Câmara aprova Projeto de Lei que denomina ruas do novo conjunto habitacional

28101704

Em sessão extraordinária realizada na tarde da última quarta-feira (25), na Câmara Municipal, os vereadores aprovaram o Projeto de Lei Nº 2.780 de 23 de outubro de 2017, que versa sobre a denominações das onze ruas do novo conjunto habitacional que em breve será inaugurado em nosso município.
O Conjunto Habitacional Irapuru E, denominado “Dr. João Joaquim da Silva”, é composto por 216 casas e está localizado ao lado dos Conjuntos Habitacionais Canto do Uirapuru I e II.
De acordo com a assessoria do poder legislativo, o referido projeto de Lei do Poder Executivo foi elaborado em conjunto com os vereadores, onde cada um dos vereadores e o prefeito sugeriram a nomeação de uma das ruas.
A Rua 1 será denominada “Rua Carlos Alberto de Souza” (sugestão do vereador José Felício Furlan Trevisan); a Rua 2 será denominada “Rua José Ushijima” (sugestão do prefeito Silvio Ushijima); a Rua 3 será denominada “Rua Alcides Vitoretti” (sugestão do vereador Hugo Freitas); a Rua 4 será denominada “Rua Florindo Françoso” (sugestão do vereador Cesar Delgado); a Rua 5 será denominada “Rua Benedito Francisco Lyrio” (sugestão do vereador Edeval Francisco Lyrio); a Rua 6 será denominada “Rua José Antônio Caivano” (sugestão da vereadora Joyce Bastos); a Rua 7 será denominada “Rua Dr. Valdir de Almeida Tovani” (sugestão do vereador Nivaldo Braga); a Rua 8 será denominada “Rua Antônio Damasceno da Silva Sobrinho” (sugestão do vereador Heitor Nelson Ferreira); a Rua 9 é uma extensão da Rua Omar Fontana Rodas (já existente); a Rua 10 será denominada “Rua Quintino Furlan” (sugestão do vereador Almir Costa) e a Rua 11 será denominada “Rua Galdino Joaquim Lopes” (sugestão do vereador Claudionor Moreira Bonfim).
A inauguração do conjunto habitacional é aguardada pelas famílias contempladas e acontecerá em breve. No inicio do mês a CDHU, responsável pela construção e entrega dos imóveis realizou um mutirão de atualização de informações das famílias que foram sorteadas, com o intuito de analisar se os contemplados ainda possuem os requisitos para o recebimento da casa.
De acordo com informações da CDHU, as unidades habitacionais do novo conjunto obedecem um novo padrão construtivo da companhia, e apresenta uma série de melhorias em relação aos antigos conjuntos, entre as inovações: três dormitórios, aquecedor solar, piso cerâmico em toda a casa e azulejos na cozinha e banheiro, laje, esquadrias de alumínio e estrutura de metal nos telhados. Na parte externa, o botijão de gás ganhou abrigo e a área de serviço foi coberta. As casas terão muro divisório entre elas e os conjuntos recebem tratamento paisagístico nas ruas, calçadas e espaços livres.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
You can Deixar uma resposta, ou deixar um trackback de seu próprio site.